O município de Farroupilha ajuizou na manhã desta quinta-feira, 19, Ação Civil Pública com pedido de liminar contra o Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (DAER) para a instalação de quebra-molas na RSC-453.

O município de Farroupilha ajuizou na manhã desta quinta-feira, 19, Ação Civil Pública com pedido de liminar contra o Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (DAER) para a instalação de quebra-molas na RSC-453. A documentação foi entregue no Fórum de Farroupilha e está sob análise da 1ª Vara de Justiça.

A decisão foi tomada pelo poder público após reunião com moradores na última sexta-feira, 13, quando chegou-se ao consenso sobre a instalação das lombadas fixas,  a fim de garantir a segurança dos que utilizam a travessia urbana das rodovias diariamente. Recentemente lombadas eletrônicas entre os quilômetros 119 e 121 foram retiradas da rodovia, uma delas em frente à Escola Estadual Carlos Fetter.

Além disso, na terça-feira, 17, Prefeito Claiton Gonçalves e o Secretário de Obras e Trânsito, Pedro Pedrozo solicitaram em reunião com o Chefe de Gabinete da Secretaria dos Transportes e Mobilidade, Glademir Aroldi e ao Diretor de Operações Rodoviárias do DAER, Rogério Uberti a autorização para realizar a obra. Porém, na ocasião a autarquia ofereceu apenas a opção de tachões para estreitamento da pista enquanto aguarda-se a implantação de novas lombadas. A alternativa também foi descartada pela comunidade, por não ser efetiva.

Confira os pontos de instalação de quebra-molas:

– RSC -453 – Acesso ao Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio, onde está localizada a Escola Estadual Carlos Fetter;

– RSC -453 – Acesso ao Bairro Nova Vicenza (Trevo Santa Rita)

Texto: Renata Parisotto

Edição: Assessoria de Imprensa e Comunicação Social

imprensa@farroupilha.rs.gov.br

Data de publicação: 19/03/2015

Compartilhe!