Fotos: Claudia Chiele/Assessoria de Comunicação A Prefeitura de Farroupilha, através da Secretaria de Educação, participou na tarde de quarta-feira, 18, na Escola Municipal Ilza Molina Martins, no bairro Monte Pasqual, da aula inaugural do Proerd – P...

Fotos: Claudia Chiele/Assessoria de Comunicação

A Prefeitura de Farroupilha, através da Secretaria de Educação, participou na tarde de quarta-feira, 18, na Escola Municipal Ilza Molina Martins, no bairro Monte Pasqual, da aula inaugural do Proerd – Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência.

O Proerd é uma iniciativa da Brigada Militar, desenvolvido em parceria com a Prefeitura de Farroupilha e Mocovi. Focado na prevenção às drogas e na cidadania, o programa fornece aos alunos modelos de tomada de decisões, fazendo com que eles reflitam sobre as próprias atitudes. Lançado em Farroupilha em 2002, o projeto já formou mais de 25 mil alunos. Neste primeiro semestre de 2015 serão atendidos 600 estudantes de 5º ano de 19 escolas. Já no segundo semestre, o programa atenderá alunos de 7º ano e Pais.

Participaram da aula inaugural o comandante do CRPO/Serra, Coronel Leonel da Silva Bueno, o comandante do 36ª BPM, Major Luis Fernando Becker, a Secretária de Educação Elaine Giulliato, a diretora da escola Lauristela Pigozzi e o presidente do Mocovi Luiz Pedro Piano, além do Soldado Morares e a Sargento Ester que são os monitores do programa nesse semestre.

Na ocasião, a Secretária Elaine destacou a importância desse trabalho na educação dos jovens. “Educação se faz com muitas mãos, e é isso que o Proerd propõe. Aproveitem todos os espaços que a escola tem a oferecer, aproveitem essa oportunidade de combater às drogas e de serem solidários com a comunidade e suas famílias”.

O Coronel Leonel lembrou do início do Proerd em Farroupilha. “O programa começou no meu comando aqui na cidade em 2002, com 170 alunos. Fui desafiado a fazer mais. Atendemos 1.500 alunos, depois 2.500, ampliamos a faixa etária dos estudantes atendidos e também incluímos o Proerd Pais. O problema da droga só tem uma solução, que é nunca entrar nesse mundo. Vocês vão aprender algo simples que é dizer não. Só queremos que vocês digam não”.

Na oportunidade foram repassados aos monitores do Proerd dois notebooks e um projetor, com o objetivo de qualificar ainda mais o ensino.

Texto:   Claudia Chiele

Edição: Assessoria de Imprensa e Comunicação Social

claudiachiele@farroupilha.rs.gov.br

Data de publicação: 19/03/2015

Compartilhe!