16 dias de ativismo pelo fim da Violência contra as mulheres

19 de novembro de 2020 09:52

A Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, por meio da Coordenadoria da Mulher promove campanha em alusão aos 16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra as Mulheres. A ação é um movimento mundial, promovido pelo Centro para Liderança Global das Mulheres, e tem como objetivo, mobilizar indivíduos e organizações, em todo o mundo, para engajamento na prevenção e na eliminação da violência contra as mulheres e meninas.
Essa ação que compreende o período de 25 de novembro a 10 de dezembro, pretende fazer uma avaliação das conquistas femininas, os avanços nas políticas públicas e discutir ações de enfrentamento à violência e aos retrocessos.
A abertura das atividades se dará no dia 24/11, com: “Debate por uma Sociedade sem Violência Contra a Mulher”, em parceria com o IFRS de Farroupilha-RS tendo como convidadas a Soldado Cristiane da Patrulha Maria da Penha e a Escrivã Liane da Delegacia de Polícia e responsável pela Sala das Margaridas. As mediadoras serão representantes do Núcleo de Ações Afirmativas do IFRS e da Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação.

Resumo:
Evento: Debate por uma sociedade sem violência contra a mulher – alusivo ao Dia Internacional da Não-Violência Contra a Mulher
Data: 24/11/2020
Horário: 19 horas
Transmissão: através do canal do YouTube do IFRS Campus Farroupilha
Debatedoras: Liane Pioner Sartori – Inspetora da Polícia Civil – DPPA Farroupilha
Cristiane Gugel – Soldado da BM Farroupilha
Abertura: Mineia Frezza – Coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Sexualidade – Nepgs – IFRS Campus Farroupilha
Encerramento: Vanusa Servegnini – Coordenadora da Coordenadoria da Mulher – Secretaria de Assistência Social Farroupilha
Mediadora: Juliana Oliveira – colaboradora do Projeto Leituras e Vivências Afirmativas no IFRS Campus Farroupilha
Promoção: Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação/ Coordenadoria da Mulher – Núcleos de Ações Afirmativas do IFRS Campus Farroupilha

Origem
Os 16 dias de ativismo começaram em 1991, quando mulheres de diferentes países, reunidas pelo Centro de Liderança Global de Mulheres (CWGL), iniciaram uma campanha com o objetivo de promover o debate e denunciar as várias formas de violência contra as mulheres no mundo, segundo a ONU Mulheres Brasil.
No Brasil, a Campanha ocorre desde 2003 e é chamada 16+5 Dias de Ativismo, pois incorporou o Dia da Consciência Negra, de acordo com a Procuradoria Especial da Mulher. A mobilização termina em 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos. Cerca de 150 países participam da campanha.
A data é uma homenagem às irmãs Pátria, Minerva e Maria Teresa, conhecidas como “Las Mariposas” e assassinadas em 1960 por fazerem oposição ao governo do ditador Rafael Trujillo, que presidiu a República Dominicana de 1930 a 1961, quando foi deposto.

 

Texto: Renata Agazzi

Arte: Fernando de Oliveira

Assessoria de Imprensa e Comunicação Social

CONTATO

Praça Emancipação, s/n | Bairro Centro | CEP 95170-444

Telefone (54) 3268.1611

Horário de Atendimento: 9h às 16h

CNPJ 89.848.949/0001-50

OUVIDORIA/FALA, CIDADÃO!

Aplicativo Fala, Cidadão!

Praça Emancipação, s/n | Bairro Centro | CEP 95170-444

Telefone (54) 3261.6996 | Whatsapp: 984045537

E-mail ouvidoria@farroupilha.rs.gov.br

Horário de Atendimento: 9h às 16h