Experiência do Teleoftalmo em Farroupilha será retratada em documentário do Facebook

10 de janeiro de 2020 10:05

 A experiência do Teleoftalmo em Farroupilha – serviço criado pelo Telessaúde da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) para ampliar o acesso à oftalmologia – mais uma vez será destaque. Desta vez, mundial. Uma equipe contratada pelo Facebook esteve no município nesta quarta-feira, 08, gravando cenas para um documentário, que mostrará como a internet pode facilitar o acesso da população à saúde. Farroupilha e o Hospital da Restinga, em Porto Alegre, serão os únicos cases do Brasil a serem retratados na produção.

Na ocasião, a equipe formada por brasileiros e norte-americanos, entrevistou a ex-secretária de Saúde, Rosane da Rosa, o Prefeito Claiton Gonçalves e a Deputada Estadual Fran Somensi, usuários do sistema,  a equipe de saúde, além de fazer imagens aéreas da cidade. O documentário ainda está em produção e não há previsão de lançamento.

O Teleoftalmo

Os atendimentos do Teleoftalmo em Farroupilha, centralizados na UBS do Bairro América, são realizados a distância e em tempo real, atendendo pacientes de 49 municípios da macrorregião Nordeste. São ofertadas consultas oftalmológicas, verificação da acuidade visual, identificação de doenças que se manifestam através dos olhos e o despacho de receitas para óculos na hora.

Por tratar-se de uma unidade de telemedicina, ou seja, laboratório que realiza apenas o diagnóstico, os pacientes podem ser encaminhados posteriormente para consultas presenciais com oftalmologistas. Entre as funções do laboratório, está a capacidade para rastrear retinopatia diabética e determinar o estágio da doença, rastrear glaucoma, diagnosticar catarata e identificar erros de refração ocular.

Em 2014, o tempo médio para consulta com oftalmologista no Estado era de 19 meses e aproximadamente 14 mil pessoas aguardavam atendimento. A oferta de 727 consultas mensais pela saúde pública era insuficiente para manter o equilíbrio entre demanda e oferta da especialidade.  Hoje, o tempo médio de espera do exame caiu para 4,5 meses (em salas do interior) e 12 meses (nos pontos de coleta metropolitanos).

A Teleoftalmologia como Estratégia de Atenção Integral à Saúde Ocular (Teleoftalmo – “Olhar Gaúcho”), é desenvolvida em parceria com o Ministério da Saúde, Associação Hospitalar Moinhos de Vento (AHMV) e Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e a Prefeitura de Farroupilha.

Assessoria de Imprensa e Comunicação Social

renata@farroupilha.rs.gov.br

CONTATO

Praça Emancipação, s/n | Bairro Centro | CEP 95170-444

Telefone (54) 3268.1611

Horário de Atendimento: 9h às 16h

CNPJ 89.848.949/0001-50

OUVIDORIA/FALA, CIDADÃO!

Aplicativo Fala, Cidadão!

Praça Emancipação, s/n | Bairro Centro | CEP 95170-444

Telefone (54) 3261.6996 | Whatsapp: 984045537

E-mail ouvidoria@farroupilha.rs.gov.br

Horário de Atendimento: 9h às 16h